10 de fevereiro de 2011

Teoria da reciclagem

Hoje levaram para o gabinete umas caixas para reciclar (plástico, papel e pilhas) e comecei a ficar um pouco confusa (tipo Florebela, mas não tanto):
- Pilhas? Nunca vi pilhas naquele gabinete!
- E o vidrão? Nao podemos beber um champanhezito nos aniversários? (coisa que até era costume, até começarmos a produzir menos o resto da tarde, devido a temperaturas elevadas no corpo)
- Porque é que o embalão é mais pequeno que o papelão? É que a produção de papel é muito menor que a de plástico. Só os pratos, copos e garfos de plástico que usamos nas festas de aniversário enchem dois embalões daqueles.
- E para acabar, porque é que nos incentivam a reciclar se eu já vi os senhores do lixo juntarem o papel e o plástico no mesmo saco?

Eu acho que alguém inventou a reciclagem porque dizer que se tem uma lixeira não é chique!!!
Mas pelo sim pelo não, eu continuo a reciclar: em casa, no trabalho e no shopping.

Sem comentários:

Enviar um comentário