2 de junho de 2011

Eu ando de metro e adoro 1

Andar de metro não significa apenas um meio de transporte público. É muito mais que isso. É um vivenciar de experiências todos os dias. O rapaz giro que se sentou ao lado (muito poucos), ai que vou ficar corada; os gunas que vão com umas conversas estranhas, ai que é melhor sair pela outra porta; a criança que mete conversa, ai que coisa mais fofa. É uma caixinha móvel que transporta um mundo só seu, com múltiplas histórias. São as pessoas mais mirabulantes e as conversas mais arrepiantes. E eu gosto. Até já desisti de levar livros e revistas para poder apreciar todo este frenesim (e também porque a viagem só dura 7 minutos) .
E não, isto não é publicidade ao Metro do Porto, mas se a empresa estiver aberta a propostas de divulgação, quem se voluntaria? Eu, eu, eu, eu.
Por este motivo, decidi publicar algumas das experiências pelas quais passo nas minhas rápidas viagens.

Hoje foi dia de "confraternizar" com dois rapazes adolescentes. Estavam a um passo de mim e a conversa entre os dois foi quase visível por palavras. Já para não falar que até o maquinista devia ouvir o que eles diziam.
"Ouvi dizer que andaste com a Pipas, é verdade?"
"Quem te disse essas coisas, pah?"
"Uiiii, as minhas fontes, se tu soubesses quem são as minhas fontes. Mas é verdade ou não?"
"Mas quem te disse isso?"
"Diz lá, diz lá! Tu e ela truca truca, não foi?"
"Eu quê?"
"Tu e ela....truca truca"
"Sim..... Estivemos juntos antes e durante a Final Four (de um desporto qualquer)."
"Eu sabia...(silêncio)...e onde é que foi, pah?...(silêncio)...em casa dela? Foi lá? Diz aí, pah".
"Mmmmmmm".
"Foi ou não foi? Curtiste a cena? Como foi?"
(foi neste momento em que eu saí)

Qual facebook qual quê! Ali no metro, em frente a toda a gente, a falarem da vida íntima. O que interessa se por acaso estava ali alguém que até os conhece e sabe quem é a Pipas. E até conhece a família dela e tal. E a expressão "truca, truca"? Óbvio que ninguém percebeu o que ele queria dizer, muito menos os que na altura até estavam a olhar para o rapaz.

Sem comentários:

Enviar um comentário