11 de abril de 2013

Há dias que não são dias

Há dias maus. Dias estranhos. Dias menos felizes. Dias sem sentido. Ontem o dia não foi um dia. Tudo começa mal quando o Baby Boy caiu da cama abaixo. Nós sabemos que temos que estar com mil olhos. Que as coisas acontecem quando menos esperamos. Que eles não fazem nada e de repente fazem tudo. Eu também sei isso tudo, mas não foi suficiente para evitar! Caiu de barriga para baixo com a cabeça mesmo em cima do rodapé. Ainda ouço o barulho da queda e arrepio-me. A primeira reacção foi pegar nele e olhar para a cabeça. Tudo aparentemente normal. Chorou com lágrima. Chorou abraçado a mim. Chorou porque tinha que chorar. Depois de muitos beijinhos e apertos acalmou e voltou a sorrir. Foi um susto daqueles em que os tremeliques só aparecem depois da tempestade passar.
Passamos para a consulta de cardiologia. A segunda desde que ele nasceu. Sempre quieto e direitinho a fazer os exames. Olhava para os médicos e ficava a admirá-los, como se os estivesse a estudar e decorar cada pormenor das suas faces. O médico nem queria acreditar que não havia barulhos de criança a interferir a sua audição. O sopro no coração continua, mas é da espessura de um fio de cabelo. Não há motivos para preocupação, mas para o ano há nova consulta de vigia. A alta médica ainda não foi este ano.
Pensava eu que ficava por aqui, mas não. Brincou, jantou, brincou e na despedida, o tio amassou-lhe a barriga para lhe fazer cócegas. Lá vem a sopa e fruta toda cá para fora. Foi a primeira vez que o vi vomitar e.....não há nada a fazer. É deixá-lo acabar, trocar a roupa e dizer que está tudo bem.
Depois deste pseudo dia, o meu filho é um herói.

7 comentários:

  1. Claro que é um herói, há dúvidas Sumpimpa ? ;)

    ResponderEliminar
  2. Os nossos filhos são mais fortes do que pensamos. Eu própria tomei consciência disso aquando da bronquiolite de baby R. Estava cheio de tosse, de febre e mal se queixava. E o teu filho é outro homenzinho muito forte. Desculpa a pergunta mas ele já nasceu com um sopro no coração?
    Sabemos que os dias bons existem mas sabemos que os maus também e neste caso o que interessa é que o de ontem já passou!!!
    Sorriso na cara!

    ResponderEliminar
  3. Bem que dia.... Desde que tenho a minha filha, tudo o que não tiver a ver com ela é secundário... mas se é com ela, o coração saltita muito!! Todos dizem que sustos desses acontecem e tal mas quando é connosco só nós sabemos a sensação não é?? Espero que hoje esteja tudo melhor... um grande beijinho*

    ResponderEliminar
  4. Ah e uma coisa, em relação ao sopro: eu toda a vida vivi com um questão como essa, tipo um fio de cabelo, e isso nunca mas mesmo nunca alterou qualquer situação da minha vida... nem me lembro disso...

    ResponderEliminar
  5. Muitos obrigadas :)
    Elix, eu também tenho uma amiga que tem um sopro no coração e faz tudo o que eu faço :)
    Beijinhos a todas ***

    ResponderEliminar
  6. Ele é um fofo... cada vez mais lindo e maravilhoso... já estsou com saudadinhas do nosso pequeno!!! :)

    ResponderEliminar
  7. Bem, que dia em sobressalto. :/ O que interessa é que ele está bem e já se sabe que estes primeiros anos vão sendo de algumas surpresas destas pelo meio. Felizmente eles são mais fortes do que aparentam e vão ganhando resistências todos os dias. Ele está um menino tão grande e giro. Também tenho saudades de o ver ao vivo. :)

    ResponderEliminar