26 de novembro de 2013

Bolachinhas de Natal

Já não se fala de outra coisa a não ser do Natal. E como eu gosto desta época fria e tão quente ao mesmo tempo já ando com o espírito vermelho, verde, dourado....! Desta vez trago-vos uma ideia para um presente de Natal delicioso. Bolachas! Não é novidade nenhuma, pois há quem já tenha feito umas bolachinhas para oferecer. Existem muitas receitas na internet, basta procurar! O que eu queria mesmo partilhar com vocês é uma forma muito rápida e simples de conseguir umas bolachas muito boas, seja para oferecer, para um lanche ou simplesmente para ter lá por casa. Para quem não sabia, como eu, a IKEA tem à venda na loja sueca massa para biscoitos de gengibre e canela. E o que é preciso? Estender a massa com um rolo de cozinha, cortá-la com as forminhas que quisermos e colocar no forno uns 6/7 minutos. E já está! Simples, não é!? Já para não falar no cheirinho maravilhoso que fica pela casa.
Nos os últimos dias que antecedem o Natal, com tantas coisas que às vezes deixamos para a última, esta é uma forma rápida de preparar umas prendinhas em poucos minutos. Neste caso podem usar formas de estrelas, bonecos, renas, flocos de neve, pinheirinhos....tudo o que seja alusivo à época mágica. Há também quem decore as bolachas, mas confesso que essa parte ainda vou ter que investigar. Podem oferecer em caixinhas, latas, frascos ou saquinhos de papel!
O Baby Boy aprova e já as trocou pelas bolacha maria....estou tramada!!!






P.S. - Ikea Portugal, se por acaso esbarrares neste post, é só para dizer que preciso de umas 4/5 embalagens de massa para bolachas, ok?!

25 de novembro de 2013

Solidariedade e presentes de Natal

Falta 1 mês para a noite mágica e cada vez mais as pessoas entram no espírito natalício. Os presentes e lembrancinhas também são sempre pensados e repensados nesta altura, sobretudo para aqueles que não gostam de deixar tudo para a última. E porque não aproveitar os mercados, feirinhas e vendinhas que vão acontecendo na cidade?! É sempre um programa diferente e ainda, em muitos casos, de cariz solidário.
Aqui ficam algumas sugestões.

Venda de Natal solidária, com diferentes vertentes: moda, música, gastronomia...



É um mercado solidário que nesta edição apresenta uma ideia muito engraçada e que tem um objetivo especial: venda de 30.000 chocolates por 1€ cada.



Promete um Christmas Baazar bem recheado no emblemático edifício Hotel Continetal - Palácio das Cardosas.



Uma vendinha com peças e marcas cheias de pinta. As mães do norte não vão querer perder!



23 de novembro de 2013

Dias a três ♥ O melhor do meu dia

Acordamos lentamente e sem pressas. Começar o dia assim devagar é meio caminho andando para um dia relaxado. Lá fora sente-se bem o frio, mas não foi isso que nos impediu de sair de casa. Os passeios junto ao mar dão-me sempre outro alento. E então se formos os três apreciar as ondas e sentir o sol a desaparecer, perfeito.
O final de tarde com o Baby Boy e o maridão a respirar o mar e a sentir os últimos raios de sol foi o melhor do meu dia.

13 de novembro de 2013

Histórias de encantar ♥ O melhor do meu dia

As histórias de encantar fazem parte da minha infância. Deixavam-me sonhar com os finais felizes em que sempre acabavam. Mas nestas histórias também há bruxas más, feitiços maléficos, planos que correm mal e sentimentos de inveja, injustiça e desonestidade! Isto faz-me pensar que posso estar mais perto das histórias de sonho do que imagino. Eu posso ter um final de dia feliz, um final de semana feliz, um mês feliz ou um ano cheio de coisas boas. Basta olhar para o que realmente importa e relativizar alguns problemas. Muitas vezes não é fácil, mas quando consigo fazer este exercício, sinto-me bem.
Ontem o dia não foi dos melhores e quando estava a chegar ao final da tarde nem para ir ao ginásio eu tinha vontade. Estava desanimada e desmotivada, até que recebo uma sms do maridão a propor uma sessão de cinema. Bora lá, nem pensei muito. Depois de jantarmos com Baby Boy, deixamo-lo com os avós (que nos agradecem) e lá fomos nós. Queríamos uma comédia, coisa leve e que nos fizesse descontrair um pouco. E conseguimos. Tivemos um final de dia feliz!

11 de novembro de 2013

Receitas e doces

Com os dias mais frios e mais cinzentos, dá vontade de comer doces quentinhos. E então se fizermos em casa ainda melhor, pois fica um cheirinho muito bom! O cozinhar não é o meu forte (faço só os pratos mais simples, como peixe cozido com batatas e legumes ou então massas com molho de tomate), mas no que diz respeito a doces, lá em casa sou eu que ganho! Este domingo acordei e na preparação do pequeno almoço reparei que os ovos tinham apenas mais um dia dentro do prazo. Lembrei-me logo da receita de pão-de-ló de ovar (i.e., mal cozido) da mãe de uma amiga - obrigada Su! É simples, rápido e muito bom. Depois de dar os cereais ao Baby Boy, tirei a batedeira e dediquei-me à cozinha. Só foi pena desligar o forno com o doce no ponto e depois esquecer-me de o tirar, mas ficou delicioso à mesma.
Para quem quiser uma sobremesa rápida ou um doce para o lanche lá de casa, aqui fica a receita.

O que é preciso
10 gemas
2 ovos inteiros
100 gr de açúcar
60 gr de farinha

Como se faz
Bater as gemas, os ovos e o açúcar muito bem. Depois da massa estar bem consistente, juntar a farinha, aos poucos. Forrar a forma com papel de pão-de-ló ou (como eu) com papel vegetal e colocar a massa. Levar ao forno durante 10 / 15 min., dependendo do forno e da preferência por massa mais crua ou mais cozida.

Dicas
Eu costumo cortar um bocadinho ao açúcar.
As claras que sobram podem ser aproveitadas para fazer um bolo de claras ou um molotof.
Se ficar mais para o cru, optem por comê-lo à colher. Nhami!
Com ovos caseiros e em forno a lenha, o pão-de-ló fica ainda mais delicioso (técnica utilizada pela dona da receita).

Deliciem-se!



6 de novembro de 2013

Telefonema à avó ♥ o melhor do meu dia

Uma das minhas avós faz anos e como é habitual ligo-lhe sempre, mesmo que mais tarde passe em casa dela para lhe dar um beijinho. E depois do "mais um ano que passou, vamos ver o que me espera no próximo" (a minha avó diz isto todos os anos), fico em silêncio a ouvi-la contar uma anedota! Ouço e sinto o coração aumentar. Penso em como os anos já passaram por ela, que agora está mais debilitada, mas continua com um humor fantástico. Continua a ser a avó que sempre conheci! 



5 de novembro de 2013

O melhor do meu dia

Assim que vi a rubrica "O melhor do meu dia" lembrei-me de há uns tempos refletir sempre que me deitava e ainda "preparava" o dia seguinte. Com o passar dos anos, novas responsabilidades, novas preocupações, comecei a esquecer-me deste pequeno gesto. E então com o nascimento do Baby Boy nem se fala. O cansaço é tanto que antes de começar sequer a pensar, já adormeci.
Aqui no blog vou fazendo um pouco este exercício ao publicar o que vai acontecendo no meu dia a dia, passeios em família, serões em casa, festas e outras coisas que me fizeram feliz.
Mas é sempre bom recuperar velhos hábitos e por isso mesmo vou aderir a esta rubrica tão cheia de energia, que foi pensada e partilhada pela Catarina e pela Ana. Obrigada meninas!



Aproveitar cada raio de sol

Os dias não têm estado muito famosos e então ao fim de semana que só queremos é passear, os nossos planos saem logo furados. Os espaços fechados nem sempre são opção, pois rapidamente enchem-se de gente e tornam-se saturantes. No domingo a chuva deu tréguas e nós nem hesitámos em aproveitar para estar ao ar livre. O nosso local preferido é 'beira-mar'. Adoramos ver a praia e cheirar a maresia. O Baby Boy também começa a adquirir e a gostar dos nossos velhos hábitos. Passeios e lanches ao final da tarde é um deles. E é tão bom poder partilhar as coisas boas da vida, mesmo sendo elas tão simples!