19 de março de 2014

De menino dos caracóis, a rapazinho

Não sei se é bem de menino, já que por onde ele passava com os seus lindos caracóis dourados lhe chamavam de menina. Eu sorria! Não valia a pena estar a dizer que afinal era um menino, de 5 em 5 minutos.  Confesso que adiei durante muito tempo a decisão de ir ao cabeleireiro (para mim está fora de questão tentar qualquer coisa em casa, eu não seria capaz e ainda arriscava um corte radical!). O Baby Boy, com aqueles caracóis, fica a coisa mais fofa do mundo. Mas o que é facto, e falando de forma mais prática, é que já o incomodavam. Andava sempre atrapalhado e já começava a ganhar tiques. Ontem, assim de pensamento rápido, fui buscá-lo à avó e segui direta à minha cabeleireira. Pelo caminho pensei se não seria melhor voltar para trás. Mas depois lembrava-me da aflição dele quando o cabelo lhe tapa os olhos. Primeiro está o seu bem estar. Foi isto que não me fez desistir e o Baby Boy teve o seu primeiro corte, no dia de aniversário da mãe, para não ficar esquecido.
No início não estava fácil colocar-lhe a capa amarela de criança. Mas depois com a conversa típica dele (carro para aqui e carrinha para acolá), ficou um bem disposto, com muito falatório pelo meio e uma mãe babada a olhar. Nem dei conta que os seus caracóis estavam a ficar espalhados pelo chão. Fiquei ali a sorrir. Ele falava com as cabeleireiras e dizia que carro é que tem a Tatá, a Mamã, o Papá, o Bubu, os vizinhos e os que tinha visto no caminho até lá. Uma doçura (já estou a ficar outra vez babada). Reparei em ligeiros olhares que ele fazia para o espelho e não se queixou. É porque gostou. À saída deram-nos o primeiro caracol cortado e, segundo a cabeleireira, não se cobra nada pelo primeiro corte de uma criança!
Agora tenho um rapazinho!

 Antes do corte



Durante o processo de corte


Depois do corte 



12 comentários:

  1. Como eles crescem...
    Bjs e feliz dia do pai,
    MJ

    ResponderEliminar
  2. Ficou um amor!!!!!
    A minha com 3 anos ainda nunca cortou o cabelo. A sorte é que os caracois enrolam tanto que não "caem" para a cara... mas um dia terá de ser! O teu menino está lindo...

    ResponderEliminar
  3. E ficou lindo na mesma :)

    ResponderEliminar
  4. A mim ainda me safam os laçarotes e os tótós... :) mas qualquer dia vai-se pelo mesmo caminho! :)
    Está um querido na mesma! ;)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Tão lindo!
    R: o parque da cidade das minhas fotos e em Famalicao!

    Bjinhu *

    ResponderEliminar
  6. Ai que por cá andamos adiar o "primeiro" corte!

    Ficou tão bem! Mas eu sou das que vai arriscar cortar em casa! :)

    ResponderEliminar
  7. Ai que por cá andamos adiar o "primeiro" corte!

    Ficou tão bem! Mas eu sou das que vai arriscar cortar em casa! :)

    ResponderEliminar
  8. Ficou muito giro! :) Por aqui aninda vou resitindo ao corte... estou como a Diana, vale-nos os ganchinhos e laçarotes!

    ResponderEliminar
  9. Ai se eu apanhasse esses caracóis numa sessão fotográfica, eheh.
    Maravilhoso, o pequeno.

    ResponderEliminar
  10. Eles crescem tão depressa....

    ResponderEliminar