31 de julho de 2014

Come a sopa, Vicente come a sopa

Nisto de certeza que o Baby Boy sai a mim, que nos primeiros anos de vida também detestava a sopa. Agora anda na fase de não querer comer sopa porque não gosta, mesmo sem a provar! Tudo começou quando esteve com estomatite aftosa. A febre e as aftas na boca (uma quantidade absurda delas) deixaram-no sem apetite e pouca coisa conseguia comer. Só mesmo comida morna/fria, líquida e sem acidez. Na hora de comer a sopa queixou-se da boca e eu associei a alguma acidez de um ou outro legume. Tentei durante alguns dias, mas via-o tão queixoso que não insisti mais. Pensei eu que quando ele estivesse melhor voltava ao menu normal! Nada disso. Faz caretas, tosse, berra, chora......não quer mesmo sopa. E eu, que acho a sopa o mais importante de uma refeição, comecei logo a magicar uma série de estratégias. E tentei várias, inclusive não lhe dar mais nada se ele não comesse a sopa (só aguentei 1h....o que, segundo dizem os especialistas, é pouco tempo). Mas isto de chegar cansada do dia e ainda conseguir arranjar mais paciência que a habitual para implementar teorias não é tão fácil como parece.
Uma vez que o resto da refeição ele come bastante bem (aliás, parece uma debulhadora de comida), o pediatra não considera demasiado importante. E para que não faltem legumes na alimentação do Baby Boy optei por colocá-los (tantos quantos conseguir) no prato de carne/peixe. Continuo a colocar-lhe a sopa à frente e lá fica enquanto o resto da família come a sua....mas ele nada! Estou na esperança que de repente lhe dê um clique e ele volte a gostar ou então, assim que estivermos de férias e eu ganhar mais energias, voltar à estratégia "ou comes a sopa ou não há mais nada" de forma mais radical (ele tem reservas suficientes para aguentar um dia apenas com o pequeno almoço e os lanches da manhã e da tarde). Se isto é assim só com a sopa, nem quero imaginar o que passam os pais cujos filhos são assim com toda a comida!!!
Hoje em dia adoro sopa, por isso, se o Baby Boy sair mesmo a mim nesta matéria só tenho que esperar mais uns aninhos para deixar de ter este problema.
Há aí mais alguém com o mesmo problema? E o que fizeram para inverter a situação? Aceitam-se sugestões.

Imagem Pinterst e fotos Supimpona

4 comentários:

  1. Eu tenho esse problema entre mãos! Há fases melhores, outras piores... Neste momento a Mariana não come sopa em casa, recusa-se! O que me vale é que come na creche!! Mas este mês vai estar de férias e estou a ponderar fazer o famosos sumos de fruto e misturar legumes, a ver se vai alguma coisa!! Mas mesmo com a restante comida, não é uma bebé fácil e é preciso muito paciência!! Pode ser que seja ó uma fase do Vicente e não tarda nada está ele a devorar a sopa!! Espero que asism seja! beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem, a minha admiração pela tua paciência, pois não deve ser nada fácil e muito rapidamente deve levar-te à exaustão!
      Inesperadamente, durante as férias, o Vicente voltou a comer a sopa (agora que regressamos parece querer regressar à balda.....mas com alguns truques vai comendo). Espero que a Mariana se torne um bom garfo rapidamente, para vos dar mais descanso! Um beijinho grande

      Eliminar
  2. Somos péssimos nesta matéria, porque o nosso foi sempre um horror para comer. Mas, se lhe pusermos o Pingu ou o Noddy a dar no YouTube, come tudo até à última migalha...
    Sim, somos uma vergonha de pais. Pffff! :(
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ehehehehe, há truques que resultam sempre. Eu gostava de fazer refeições sem televisões e carros na mesa, mas acima de tudo está a saúde e alimentação dos nossos filhos, por isso, se a sopa vai toda a ver marcas de carros ou a simular acidentes em cima de mesa.....assim seja!!! Pronto, também sou uma vergonha!!!
      Isto um dia passa-lhes e já comem como uns senhores à mesa :)
      Beijinhos

      Eliminar