25 de julho de 2014

Ser mãe também é...

...ter um pesadelo com o Baby Boy e não saber o que é pior: o pesadelo ou acordar a pensar no sucedido! Depois de perceber que não era real só me apetecia apertar o Baby Boy, que àquela hora já tinha saído da sua cama e estava ao meu lado. Durante uns minutos fiquei a olhar para ele e na minha cabeça não paravam de passar as imagens do pesadelo! É arrepiante só imaginar se tivesse que passar por uma situação de desespero com um filho......

2 comentários:

  1. Dói só de imaginar!

    ResponderEliminar
  2. ao ler-te senti tão bem o descreves.... ui... até arrepia...
    beijinho

    ResponderEliminar