14 de abril de 2015

Ainda no desfralde

Já vos tinha contado aqui como se deu início ao desfralde do Baby Boy (quase a completar 3 anos). Não quero entrar em grandes euforias, mas foi tãoooo mais fácil do que estava a imaginar.
Em apenas 1 semana deixou de usar fralda nas sestas e começou a pedir para ir ao pote.
Uma semana depois também passou a fazer cocó no pote.
Dois dias a seguir deixou a fralda de noite. Foi engraçado quando numa noite estava a trocar as cuecas pela fralda e ele perguntou-me muito atrapalhado "mamã, fiz alguma coisa?!". Nesse dia percebi que ele poderia estar a ficar confuso e decidi tirar as fraldas de vez. Resultou!
Mas como o meu filho não é um supra sumo do desfralde, também vai tendo uns deslizes. Pouquíssimos é certo, mas distraiu-se na brincadeira e inundou a pista de carros ou então sonhou mais profundo e lá teve que se mudar a roupa de cama a meio da noite. Mesmo assim não me posso queixar, porque está a correr muito bem.
Outra coisa menos boa que associamos a esta fase é a obstipação. Acho que esta está a ser a parte mais complicada. Ele começou a fazer cocó de 3 em 3 dias, o que não é de todo aconselhado. O pediatra receitou uns clisteres, mas nós andamos a tentar evitar ao máximo. E com tudo isto temos apostado numa alimentação ainda mais cuidada. Considero que já tentávamos fazer uma alimentação saudável, mas agora estamos mais atentos e procuramos alternativas a alguns alimentos. Mas esta parte fica para outro post!
O desfralde vai continuar (sim, porque ainda há caminho a percorrer), com calma e respeitando os tempos do Baby Boy. Já sabemos que cada criança é única e não adianta querermos que o nosso filho aprenda as coisas logo à primeira e sem erros, porque errar também é importante e faz parte do crescimento....dele e nosso!

Imagem retirada do Pinterest

Sem comentários:

Enviar um comentário