17 de julho de 2015

Welcome Baby Girl

A minha pequena princesa chegou aos nossos braços no dia 7 de julho, com 3340gr e 48cm, eram 23h45. Não entrando em pormenores posso dizer que esta segunda vez correu de forma mais natural e mais rápida. Senti mais as contracções, mas também senti uma maior emoção assim que a vi nascer (talvez porque do Baby Boy entrei numa anemia e não me lembro de muitas coisas). A recuperação está a ser fantástica, pelo menos para já. Tirando um episódio de baixas tensões ainda no hospital, não tenho dores nenhumas e estou a ir ao sítio mais rápido do que esperava. A amamentação também ajuda! Desta vez está a correr melhor, apesar de não achar a coisa mais maravilhosa do mundo. Sentir que tenho alguém assim tão dependente de mim para sobreviver deixa-me com alguns arrepios.
O cansaço acumulado, as noites que nunca são de muitas horas seguidas, uma miúda que não tem horas para se alimentar e outro filho cheio de energia ainda não me deixaram estabelecer uma rotina mais certa, mas espero assim que possível voltar a uma vida mais "normal". Este ano a praia é praticamente uma miragem, mas passeios em família e com os amigos já me fazem falta e não vejo a hora de voltar a estes programas ao ar livre.
Para além disso não me posso esquecer que existe outra criança em casa, que também precisa de atenção, muita atenção. Nestes primeiros dias, o Baby Boy tem passado mais tempo com os avós. Um caso de varicela na creche um dia a seguir ao Baby Boy ter visitado a irmã no hospital, levou-nos a tentar controlar um pouco o contacto entre os dois. Ainda por cima ele adora a irmã. Quer estar sempre a dar-lhe beijinhos, a ver os pézinhos tão pequenos, o narizinho....e faz questão de dizer a toda a gente que a maninha é dele. Se não está a dar-lhe muitos mimos está a mostrar-lhe o homem-aranha (e a saltar com ele em cima dela....ups!) ou a escolher carros para ela "brincar" com ele.
Agora só me falta passar esta fase de baby blues, em que tenho momentos de tristeza e ataques de choro sem motivos. Sei que isto vai tudo passar e vamos começar a entrar no nosso novo ritmo de vida. Agora a nossa família está mais cheia e queremos tentar aproveitar o que de melhor temos.


7 comentários:

  1. Muitos Parabéns...Não vejo a hora de ter a minha bebé nos meus braços...

    ResponderEliminar
  2. Muitos parabéns!!! É o melhor do mundo e apesar dos apesares, quando passar só te vais lembrar das melhores partes e ter saudades.... por isso aproveita o melhor ... beijo grande e muitas muitas felicidades!!!

    ResponderEliminar
  3. Os primeiros dias são sempre de adaptação e de emoções fortes. Muitas felicidades e parabéns!:)

    ResponderEliminar
  4. Que coisa mais adorável, esta bebé pequenina! Que bom que tudo correu bem! Muitos e muitos parabéns, Joana!
    E quanto ao baby blues, é chato, sim, mas há-de passar. O cansaço é demasiado, e o caos emocional também. Que tudo melhore depressa são os meus votos sinceros, para que possas gozar em pleno da nova bonequinha.
    Beijinhos,
    Miú

    ResponderEliminar
  5. Anónimo7/20/2015

    Parabéns e Felicidades nesta nova fase:)

    ResponderEliminar
  6. Muitos parabéns! <3 o melhor do mundo em dose dupla ;)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Muitos, muitos parabéns e as maiores felicidades!
    Desejo-vos tudo de bom.
    Bjs,
    MJ

    ResponderEliminar