6 de janeiro de 2016

Resoluções?!

Estava eu com a minha amiga e companheira de corridas a caminho da nossa prova de São Silvestre. Conversas normais, fúteis e algumas coisas mais sérias à mistura. Eu ia criticando este, aquele, colocando um defeito numa situação e vendo um cenário negro noutra coisa qualquer. Até que de repente, a minha amiga me sai com uma coisa do género: "aiiii, pára de ver mal em tudo.....andas de mal com a vida?". Estas palavras assim, vindas de uma pessoa de quem gosto muito não me causaram mal-estar. Conhecemo-nos há bastante tempo e acho que muitas vezes funcionamos um bocadinho como irmãs confidentes. Aliás, até lhe agradeço ser sincera comigo, sem rodeios. Depois deste dia e desta frase fiquei a pensar e a refletir. Revi atitudes minhas, pensei em palavras que disse e não queria. Já para não falar que os sentimentos de revolta, injustiça e insatisfação que às vezes sinto só me trazem stress, cansaço e negativismo. Logo eu que me achei sempre tão positiva em relação à vida e à sociedade. Agora vejo-me desgastada, exausta, só a reparar no que está mal.
Não tinha definido nenhuma resolução para o novo ano, mas decidi que vou tentar ser uma pessoa menos exigente com os outros, mais ponderada nas atitudes, mais compreensiva e paciente. Vou cultivar a minha paz interior.
Estou a colocar-me à prova. Quero uma vida mais harmoniosa com os outros, mais zen, mais leve. Este vai ser o meu lema para este ano e espero que para sempre.
Já o estou aplicar. Não está a ser muito difícil. Sempre que fico tentada a uma crítica má, penso nas coisas boa. Está a funcionar, para já. Estou a ficar mais otimista :)

Imagem retirada do Pinterest

Sem comentários:

Enviar um comentário